Feeds:
Posts
Comentários

Archive for 24 de agosto de 2008

Semana apetitosa para os gamers! Cheio de jogos aguardados!! Lembrando que as datas podem sofrer alterações. Lista retirado do site Gamespot!

Infinite Undiscovery
Infinite Undiscovery X360
Lançamento nos EUA: Agosto 29 Setembro 02, 2008
GTR Evolution
GTR Evolution PC
Lançamento nos EUA: Agosto 26, 2008

Tales of Vesperia
Tales of Vesperia X360
Lançamento nos EUA: Agosto 26, 2008

Mario Super Sluggers
Mario Super Sluggers WII
Lançamento nos EUA: Agosto 25, 2008

Garfield's Fun Fest
Garfield’s Fun Fest DS
Lançamento nos EUA: Agosto 29, 2008

Altered Species
Vampire Rain: Altered Species PS3
Lançamento nos EUA: Agosto 26, 2008

Absence of Justice
Disgaea 3: Absence of Justice PS3
Lançamento nos EUA: Agosto 26, 2008

Tiger Woods PGA TOUR 09
Tiger Woods PGA TOUR 09 X360
Lançamento nos EUA: Agosto 26, 2008

Castle Crashers
Castle Crashers X360
Lançamento nos EUA: Agosto 27, 2008

Ultimate Carnage
FlatOut: Ultimate Carnage PC
Lançamento nos EUA: Agosto 2008

The Sims 2 Apartment Life
The Sims 2 Apartment Life PC
Lançamento nos EUA: Agosto 26, 2008

Island of Happiness
Harvest Moon: Island of Happiness DS
Lançamento nos EUA: Agosto 26, 2008

Steel Disaster
Commando: Steel Disaster DS
Lançamento nos EUA: Agosto 25, 2008

From The Abyss
From The Abyss DS
Lançamento nos EUA: Agosto 26, 2008

Read Full Post »

https://i2.wp.com/img162.imageshack.us/img162/8927/gfdghf7.jpg 

Mais uma análise minha que atrasou um pouco. É do MGS4 que a essa ponto todos já jogaram ou leram várias análises pela internet. Mesmo assim leiam essa que acredito eu está boa =)

Fiz esta análise evitando spoilers ao máximo já que ao meu ver MGS4 é um jogo tão impressionante que deve ser jogado, clique em more para ler a análise desse grande jogo =)

(mais…)

Read Full Post »

https://i1.wp.com/img229.imageshack.us/img229/3781/ha80dc6.jpg

Esse mês a Panini encerrou no Brasil e fase “A Volta do Uniforme Negro” no Brasil, e isso requer alguns comentários:

* Claro que a desculpa para Peter Paker voltar a usar o Uniforme Negro é marketing puro da Marvel, afinal essa fase nos EUA se iniciou exatamente junto com o terceiro filme nos cinemas. Como aqui no Brasil há um certo atraso em mais ou menos 1 ano em relação a publicação americana, não sentimos esse apelo como os americanos certamente sentiram ao ver as histórias com o uniforme.

* Independente disso os roteiristas do Aranha arranjaram uma “boa” desculpa para esse período de luto que Peter Paker está sofrendo, vamos, “novamente”, quase matar a Tia May! Com a Tia May baleada porque Peter foi estúpido o bastante para cair no papo de Tony Stark e revelar sua identidade ao mundo e de toda aquela papagaiada que rolou em “Guerra Civil”, não podendo ficar zanzando por aí usando seu uniforme vermelho pois é claro que chama muito a atenção, ele decide que é hora de desenpoeirar um uniforme que fez história na cronologia do herói.

Bem, feitos estes comentários preliminares, posso finalmente falar o que achei dessa fase, do que está acontecendo no universo do herói e do que está para acontecer logo em seguida.

Clique em “more” e contine…
(mais…)

Read Full Post »

Vou estrear hoje um novo livro do Veríssimo aqui no blog: Banquete com os Deuses. O livro traz algumas crônicas voltadas para “cinema, literatura, música e outras artes” como está escrito na sua própria capa. É um livro com crônicas mais sérias e complexas, pois exige algum conhecimento prévio de alguns assuntos, mas ainda assim encontramos aquelas crônicas leves e com aquele humor já famoso do autor. \o/

https://i1.wp.com/www.objetiva.com.br/objetiva/cs/files/images/capas_livros/8573025158_grande.jpg

Comprar pela Editora Objetiva? (Link)

Boca Aberta

Quando eu era pequeno, não acreditava em beijo de cinema. Achava que eles não podiam estar se beijando de verdade, nos filmes de censura livre. Aquilo era truque. Me contaram que usavam um plástico, que a gente não via, entre uma boca e a outra. Isso no tempo em que as pessoas só se beijavam de boca fechada, pelo menos no cinema americano. Não sei quem me deu esta informação. Alguém ainda mais confuso do que eu.

Nos filmes proibidos até 14 anos, permanecia a idéia de que nos Estados Unidos o sexo era diferente. As pessoas se beijavam – de boca fechada -, depois desapareciam da tela, tudo escurecia e a mulher ficava grávida. Quando se via o beijo do começo ao fim, não havia perigo de a mulher engravidar. Mas quando as cabeças saíam do quadro ainda se beijando, e a tela escurecia, era fatal: vinha filho. Às vezes na cena seguinte.

Durante algum tempo, só filmes europeus eram proibidos até 18 anos. Você entrava no cinema para assistir a um filme “até 18” sabendo que ia ver no mínimo um seio nu, provavelmente da Martinne Carole. Não sei quando apareceu o primeiro seio americano no cinema. Mas me lembro do primeiro filme americano com beijo de boca aberta. Com língua e tudo. Bom, a língua não se via, a língua era presumida. Também não era beijo tipo roto-rooter, beijo de amígdala, como no cinema francês. Mas estavam lá, as bocas abertas, num beijo histórico. Depois do primeiro beijo de boca aberta, foi como se abrissem uma porteira e começasse a passar de tudo. Passa língua, passa peito, passa bunda… E em pouco tempo os americanos estariam transando sem parar. Era inacreditável. Americanos na cama, sem roupa, transando como todo o mundo!

Mas guardei o primeiro beijo de boca aberta no cinema americano porque me lembro de ter tido um pensamento quando o vi. Com aquele misto de carinho divertido e incredulidade com que recordamos nossa infância, que aumenta quanto mais nos distanciamos dela. Me lembro de ter pensado:

– Isso destrói, definitivamente, a teoria do plástico.

Read Full Post »

Death Note 13 – How to Read

Esta edição de Death Note inclui capa especial, muitos extras, descrição dos personagens, entrevistas e revela todos os mistérios do mangá em um volume com 280 páginas.

https://i0.wp.com/jbchost.com.br/mangasjbc/img/death_note/capa_death_note_13_g.jpg

Death Note é um mangá sobre um estudante do ensino médio que descobre um caderno sobrenatural que o permite matar qualquer pessoa ao escrever o nome dela no caderno enquanto tem em mente seu rosto. A história da série conta as tentativas do personagem Light Yagami em criar e liderar um mundo livre de maldades usando o caderno e diversos conflitos acontecem devido às ações do jovem, incluindo a investigação pelo maior detetive do mundo, L.

Criado pela dupla Tsugumi Ohba (roteiro) e Takeshi Obata (arte), os doze volumes que compõem a série foram lançados em português pela JBC.

Com uma capa sobre capa especial, uma ilustração colorida e muitas outras surpresas, este décimo terceiro volume é uma verdadeira enciclopédia do mangá e inclui biografia de personagens, resumo da linha temporal da história, entrevista com os criadores, notas e comentários de produção, extras e a história piloto da série. Basicamente, tudo o que um fã da história gostaria de saber.

As biografias dos personagens são tão detalhadas (e muito bem ilustradas) que poderiam ser chamados de dossiês. E, ao contrário do que se imagina, inclui mais que somente os personagens centrais da trama: estão presentes todos os shinigamis, os policiais, os oficiais e, além de revelar o nome do misterioso detetive, ainda faz uma descrição de seus terríveis hábitos alimentares e o conteúdo de seu estômago.

Takeshi Obata aparece numa das seções de entrevistas com o processo de criação de personagens e storyboard, com diversos rascunhos feitos pelo artista. Ohba conta detalhes de como criava a trama e uma entrevista conjunta detalha como foi o processo de criação da dupla.

E, mesmo se alguém nunca ouviu falar do mangá, Death Note How to Read 13 oferece algo essencial: dentro desta enciclopédia há o “Mangá Piloto” feito em 2003. Uma história que introduziu o conceito da trama de uma forma meio assustadora, mas interessante e agradável.

Estas informações apresentadas acima eu recebi no informativo da JBC em meu e-mail hoje na parte da tarde. Ainda não tive a oportunidade de ver este exemplar e nenhum da serie, por que aqui não chegam estes mangas, o único que ainda vem em dia é o Inu-Yasha, mas um dia vou adquirir esta serie, achei a temática dela interessante pelo que li em outra revista de animes/mangás.

Read Full Post »

A resistencia nos portáteis

Hoje tenho uma pequena história para contar.Fui a uma festa com piscina e tudo mais.Levei o meu PSP nem sei por qual motivo.Acabei esquecendo ele na mochila, e quando olhei!

Estava encharcado T_T

Isso me fez refletir sobre um dos pontos que são importante nos portáteis mas ninguem percebe: A resistencia dos pequenos notáveis.

Clique em “more” e leia o resto!

(mais…)

Read Full Post »

Como grande fã de RPGs, é até natural minha reverência à Square (Enix) =p Começou com Chrono Trigger, passando pelos jogos do Playstation e Playstation 2 (para quem não conhece, meu avatar é o protagonista de Vagrant Story =]). Por isso, volta e meia vou falar alguma coisa diferente sobre a Square…

Há um bom tempo atrás, comentei sobre o Square Enix Members… esses dias estava fuçando por lá, e achei algumas coisas interessantes… por exemplo, tem um jogo baseado em My Life as a King, é um esquema de ter seu personagem (escolhendo profissão) e criar uma casa, realizar algumas tarefas (como achar cristais perdidos pelas páginas dos sites da Square Enix Members… é um pouco estranho, ainda não descobri exatamente para que serve =p Mas… achei um lugar com itens ‘baixáveis’, atualmente tem os dois wallpapers do fim do post =] Claro, tem muito mais além desse jogo… você pode criar a Shinra ID ali em cima =p, acessar jogos em flash do chocobo, side stories de alguns jogos, e mais conteúdo que vai sendo atualizado…

Clique aí embaixo para conferir o joguinho baseado em My Life as a King (vai ter a opção de se cadastrar no Square Enix Members, que é gratuito):

My Life as a King Everyone's Kingdom Top page.

E abaixo, os Wallpapers (clique para ampliar):

Read Full Post »